RISCO NAS ACADEMIAS: As “bactérias de tatame” que podem causar até ataque cardíaco

Frequentadores de academias de ginástica e atletas em geral têm um inimigo oculto, minúsculo, imperceptível aos olhos, mas capaz de comprometer a saúde e o desempenho nos treinos e competições. Conhecidas como, as bactérias no tatame, elas multiplicam-se em toda parte e em grande volume nos locais onde a atividade física é constante.

Nos últimos tempos, muitos lutadores de MMA vêm sofrendo com as infecções por estafilococos. Mas o que exatamente é a staph infection?

O caso que tornou a bactéria famosa no mundo das lutas foi o de Rodrigo Minotauro, que sofreu o primeiro nocaute de sua carreira contra Frank Mir, em 2008, antes de revelar, ainda dentro do octagon, que passou uma semana internado para tratamento da infecção, que havia se instalado em seu joelho.

O Canal Sensei Combate, fez uma reportagem sobre o que as infecções bacterianas são capazes de fazer com os lutadores de artes marciais. O professor de Jiu-Jitsu Maycon Andrietta sofreu dois infartos aos 33 anos de idade, em decorrência de uma bactéria que foi parar na corrente sanguínea e se alojou no coração. E sobreviveu para contar a história. Rodrigo Minotauro e Thales Leites também enfrentaram o inimigo invisível que deixaram os lutadores internados no hospital por vários dias. (Vídeo abaixo)

CUIDADOS.

Banho tomado, unhas curtas e quimono limpo é o mínimo que se espera de quem mantém contato físico no esporte. Ter mais de um uniforme para os treinos é uma boa dica. Veja aqui algumas dica como cuidar bem do seu kimono.

Antigamente no Jiu jitsu havia uma tradição, de treinar com quimono sujo para mostrar que o atleta era “casca grossa”, mas hoje sabemos que isso é uma falta de higiene que pode provocar problemas sérios. Uma infecção mal tratada pode levar a amputação de um membro ou até a morte.

COMO EVITAR BACTÉRIAS DE TATAME. 

Sabemos que as dicas abaixo as vezes são difíceis de serem cumpridas, mas sempre que possível procure seguir estar recomendações.

  • Limpar os Tatames todos os dias não deixar o suor e saliva de um dia para outro;
  • Possuir no mínimo 02 (dois) Kimonos;
  • Os Kimonos devem estar sempre limpos, seco e sem odores;
  • Unhas das mãos e dos pés cortadas e limpas;
  • Banhos antes do Treino;
  • Lavar os Kimonos toda Semana;
  • Andar acompanhado de Álcool Gel;

VEJA O VÍDEO COM ATLETAS QUE CONTRAÍRAM A BACTÉRIA. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *