SEM MUDANÇA: Câmara rejeita mudança do sistema eleitoral de ‘coligação’ para o ‘distritão’

Câmara dos Deputados rejeitou nesta terça-feira (19) a proposta que transformava o atual sistema eleitoral no “distritão” em 2018 e no “distrital misto”, em 2022. A mudança valeria para escolha de deputados e vereadores.

Pelas regras atuais, deputados federais, estaduais e vereadores são eleitos no modelo proporcional com lista aberta. A eleição passa por um cálculo que leva em conta os votos válidos no candidato e no partido. Esse cálculo chama quociente eleitoral. O modelo permite que os partidos se juntem em coligações.

Pelo cálculo do quociente, é definido o número de vagas que cada coligação terá a direito, elegendo-se, portanto, os mais votados das coligações.

Pelo “distritão”, cada cidade ou estado passaria a ser considerado um distrito e seriam eleitos os candidatos a vereador e a deputado que recebessem mais votos.

A hipocrisia do jogador Jô, no gol de mão, mostra o retrato moral do Brasil

Jornalista Rodrigo Mattos (esq.) e o Jogador Jô (dir.)

O erro de arbitragem em favor do Corinthians que lhe deu a vitória contra o Vasco é grave, mas fica até em segundo plano diante da atitude de Jô no episódio. Após meter a mão na bola, o atacante se fez de desentendido e disse que não sabe se bateu ou não no seu braço. A declaração seria cômica se não fosse um retrato de um Brasil tomado pela hipocrisia.

Primeiro, coloquemos as coisas em contexto. Jô esteve envolvido no lance com Rodrigo Caio quando o zagueiro do São Paulo avisou que ele não cometera falta, e portanto não merecia amarelo. Foi beneficiado pela honestidade do são-paulino.

Qual seu comentário na ocasião? ”A gente precisa ser o mais sincero e honesto no grupo possível. Eu sairia em defesa, ia elogiar meu companheiro (se fosse no Corinthians). Essa atitude nos dá uma responsabilidade muito grande na próxima vez que acontecer. Se acontecer, a gente tem que fazer igual”, resumiu o corintiano, em abril.

Pois bem, cinco meses depois, Jô teve chance de fazer igual. O cruzamento veio da esquerda e talvez acabasse em gol. Difícil saber. O que é irrefutável é o movimento da cabeça e do braço de Jô conjuntos para acertar a bola. Foi no braço e no gol.

O lance é límpido, e qualquer juiz de pelada teria visto estando na linha de fundo como o da CBF, a poucos metros do lance. Um erro tão grotesco quanto o impedimento dado contra o Corinthians que anulou o gol diante do Flamengo. A arbitragem da CBF repete esse tipo de falha rodada a rodada, e o time corintiano foi beneficiado e prejudicado neste campeonato.

Mas isso, hoje, é secundário em relação à reação de Jô. Não, ele não fez igual a Rodrigo Caio como prometera.De cara, ele sinaliza para jogadores do Vasco que tinha feito o gol com o peito.

Sua entrevista após o jogo, no entanto, é constrangedora: ”Eu não vi. Se tivesse convicção, eu ia falar. Me joguei na bola e não vi se tocou ou não. Se tivesse tocado, eu ia falar. Mas eu me joguei, eu me projeto. E se tocou ou não é interpretação do árbitro.”

Ora, Jô não precisa ver. Sentiu a bola bater no seu braço a não ser que tivesse uma doença que o impedisse de ter sensibilidade nesta região. Ele não se jogou, não bateu com o peito, meteu a mão na bola. Pode acontecer, o jogo é rápido, o atleta se afoba e coloca a mão, o juiz não vê. Tentar nos fazer de otários com uma mentira é outra história.

A própria entrevista do técnico Fábio Carille tentando minimizar o fato revela como se tenta dar jeitinho, passar pano no futebol e desviar o foco da questão moral. Diz ele que havia muito dúvida se a bola já ”estava dentro”. ”Ele pode falar que pegou na mão, mas e se a bola já estava dentro?”. Foge da questão central que é de que o atacante meteu a bola na mão e tentou enganar a todos.

Mas não é uma novidade no Brasil de hoje. Aqui é o lugar onde políticos saem em passeata contra a corrupção e depois são pegos com malas de mais de R$ 50 milhões em apartamentos. O país onde juízes não se sentem impedidos de julgar pessoas com quem têm ligações óbvias. A nação onde é regra pregar moralidade à frente das câmeras, levar vantagem atrás dela e negar tudo depois.

Haverá quem diga que a falha de caráter de Jô não é tão grave quanto a de políticos. Ou quem diga: ‘‘Jogadores não podem ser cobrados pelo que ocorre em campo, lá é diferente.” Até porque boa parte dos jogadores faz o mesmo, tenta enganar, levar vantagem, né? (Sim, a maioria age assim como vimos em diversos exemplos neste ano)

Não se está aqui comparando atos de corrupção aos de Jô. De fato, não cometeu crime ou desviou recurso público, não cometeu um sério dano à sociedade. E, obviamente, as duas situações têm disparidades e não podem ser julgadas da mesma forma.

Mas a exigência de princípios é para todos no exercício de sua profissão , na condução da vida, não só para políticos. Está em cada troco a mais que você devolve, ou não. Está em fazer seu trabalho de forma justa, e não tentar enganar a concorrência, seja você engenheiro, advogado ou… jogador. Quando alguém só se importa em levar vantagem, e não em vencer de forma correta, há um problema.

O resumo do episódio está na frase seguinte de Jô: ‘‘O juiz interpretou que não foi então foi bom para a gente. O importante é a vitória suada, os três pontos.” É isso: se for bom para a gente, não interessa se foi correto. Esse é o Brasil atual.

 

O texto foi retirado do Blog do Jornalista Rodrigo Mattos .

Deputado Jean Wyllys chama decisão de juiz sobre cura gay de ‘aberração jurídica’

Deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ)

O deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) definiu como “aberração jurídica” a decisão do juiz federal da 14ª Vara do Distrito Federal Waldemar Cláudio de Carvalho, que concedeu liminar abrindo brecha para que psicólogos ofereçam a terapia de reversão sexual. Conhecida como ‘cura gay’, o tratamento é proibido pelo Conselho Federal de Psicologia desde 1999 e já foi alvo de embate entre os parlamentares ligados à defesa dos Direitos Humanos e a bancada evangélica no Congresso Nacional.

Wyllys avisou que vai promover uma mobilização no Parlamento e se aliar ao Conselho Federal de Psicologia para recorrer da decisão do juiz federal. “É uma aberração jurídica, como outras que acontecem no País. Como é que o Judiciário se presta a isso? O Judiciário não está agindo de acordo com a Constituição”, comentou.

A decisão do juiz federal atende a pedido da psicóloga Rozângela Alves Justino em processo aberto contra o colegiado, que aplicou uma censura à profissional por oferecer a terapia aos seus pacientes. Segundo Rozângela e outros psicólogos que apoiam a prática, a resolução do conselho restringia a liberdade científica. “Em nome de que ciência ela está falando? É uma loucura o que a gente está vivendo”, acrescentou o deputado.

Wyllys observou que a psicóloga que encabeça a ação é ligada à bancada evangélica e acredita que o preconceito norteou a decisão judicial. “Eles (da bancada evangélica) estão apelando ao Judiciário”, concluiu.

 

Estadão Conteúdo

Mais de 1 milhão de reais serão investidos em shows artísticos e culturais durante o Çairé

O Çairé iniciou no dia 16 de setembro com a busca dos mastros (símbolos da fartura da festa) e segue até o dia 30, com a festa da vitória.

O ápice do Sairé ocorrerá entre 21 e 25 de setembro na Vila Balneária de Alter do Chão.

Com o tema “Festa e Fé”, a proposta desta edição é valorizar e mostrar a verdadeira história desta festa tradicional na região, ligada a devoção à Santíssima Trindade.

VALOR INJETADO NA FESTA – A prefeitura contratou uma empresa especializada na realização de eventos e assessoramento cultural e artístico para auxiliar no evento. O valor que vai ser injetado será de R$ 1.129.924,50.  

Veja abaixo a discriminação dos serviços que serão realizados pela empresa contratada pela prefeitura de Santarém.

1 – Contratação dos Grupos Folclóricos Boto Tucuxi e Boto
Cor de Rosa: Para o dia 23.09.17, com duração de 02h
(duas) horas cada Boto, inicio as 21: 00hs;

2 – Contratação de Artista Regional, pagamento de toda a
parte logística como: passagens aéreas, hospedagem,
alimentação (o transporte terrestre em traslado – Aeroporto
a Vila de Alter do Chão e serviços de camarim)
correspondentes para realização do show dona Onete;

3 – Contratação de Artistas Regionais, pagamento de toda a
parte logística como: passagens aéreas, hospedagem,
alimentação (o transporte terrestre em traslado – Aeroporto
a Vila de Alter do Chão e serviços de camarim)
correspondentes para realização do show Pinduca;

4 – Contratação de Artistas Regionais, pagamento de toda a
parte logística como: passagens aéreas, hospedagem,
alimentação (o transporte terrestre em traslado – Aeroporto
a Vila de Alter do Chão e serviços de camarim)
correspondentes para realização do show Lucinha Bastos;

5 – Contratação de Artistas Regionais, pagamento de toda a
parte logística como: passagens aéreas, hospedagem,
alimentação (o transporte terrestre em traslado – Aeroporto
a Vila de Alter do Chão e serviços de camarim)
correspondentes para realização do show Mestre Solano;

6 – Produção da parte religiosa. (Comissão Organizadora
do Festival Folclórico do Çaire);

7 – Contratação de Artistas locais e banda;

8 – Contratação de Empresa para confecções dos ingressos
para o evento dos Shows dos Botos e Shows regionais e
Locais.

Ministério Público pede à Justiça resgate urgente das vítimas de naufrágio em Óbidos, no Pará

O Ministério Público Federal (MPF) e o Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) ajuizaram ação na quarta-feira (13) na Justiça Federal em Santarém com pedido para obrigar a União, o Estado do Pará e a empresa de transportes Bertolini a fazer o resgate dos desaparecidos no naufrágio ocorrido em agosto em Óbidos.

Para o MP a Justiça deve obrigar que o resgate a vítimas, a chamada salvatagem, seja feito com urgência, independentemente dos esforços que estão sendo feitos para realizar a reflutuação da embarcação.

Até o ajuizamento da ação, a Bertolini vinha divulgando que a reflutuação da embarcação e o resgate dos desaparecidos seriam feitos simultaneamente entre outubro e novembro.

Mas, como destaca a ação, a salvatagem pode ser feita independentemente da reflutuação. A salvatagem é o conjunto de medidas de resgate marítimo e fluvial que demanda mergulhadores e equipamentos específicos para a localização das vítimas após um desastre. Já a reflutuação é a recuperação da embarcação afundada, e tem o objetivo de restaurar as condições e atividades originais da embarcação.

A ação judicial também pede que a União e o Estado do Pará sejam condenados a elaborar um plano emergencial que preveja alocação de profissionais e equipamentos habilitados para a realização de operações de assistência e salvamento em naufrágios.

O naufrágio do navio rebocador da Bertolini ocorreu em 2 de agosto, após colisão com outro navio no rio Amazonas, a cerca de 17 milhas náuticas a montante de Óbidos, no oeste paraense. Nove tripulantes do rebocador continuam desaparecidos.

Solução para a angústia – “Conquanto seja verdadeiro que a operação de salvatagem poderia ser realizada simultaneamente à reflutuação, entende-se que seria demasiadamente gravoso impor aos familiares dos tripulantes uma longa e angustiosa espera para que se tenha definição acerca da vida de seus entes queridos”, destacam na ação a Procuradoria da República em Santarém e a Promotoria de Justiça em Óbidos.

No entanto, a operação de salvatagem não foi realizada até o momento porque a Capitania Fluvial de Santarém e o Corpo de Bombeiros do Pará não dispõem de mergulhadores habilitados a trabalhar nas condições de profundidade, visibilidade e correnteza em que a embarcação se encontra no rio, nem dos equipamentos necessários, alertam o MPF e o MPPA.

Essa situação viola as normas de direito marítimo, assim como as atribuições institucionais da Marinha e do Corpo de Bombeiros, criticam os membros do MP. “Transcorrido mais de um mês do acidente, são ínfimas as esperanças de encontrar a tripulação com vida. Tivessem sido realizados mergulhos emergenciais, o desfecho poderia ter sido diferente, mesmo porque há casos de pessoas que sobreviveram até 72 horas após um naufrágio, respirando nos bolsões de ar que se formam na embarcação”.

“Ante a essa omissão configurada, não se pode gerar mais sofrimento às famílias das vítimas impondo-as que aguardem o longo processo de reflutuação da embarcação, para só então poder enterrar seus entes queridos. Por essa razão, recorre-se ao Poder Judiciário, a fim de que este determine, o mais breve possível, que os réus realizem uma operação de salvatagem, com mergulhadores e utilização dos equipamentos necessários, para resgatar a tripulação do Rebocador CXX”, ressaltam o MPF e MPPA na ação.

Processo nº 1000194-53.2017.4.01.3902 – 2ª Vara da Justiça Federal em Santarém (PA).

Prefeitura de Santarém anuncia Processo Seletivo com 80 vagas

A Prefeitura Municipal de Santarém, anuncia o edital do Processo Seletivo, que visa contratar profissionais liberais para reestruturação do Programa PAC/ Social.

O objetivo desta seleção é preencher 80 vagas, Pedagogo (10), Assistente Social (15), Psicólogo (10), Sociólogo (4), Advogado (2), Administrador (5), Engenheiro Sanitarista (2), Engenheiro Civil (2) e Auxiliar Administrativo (30).

A jornada de trabalho será de até 200 horas mensais, com salários de R$ 7,50 a R$ 15,00 por hora trabalhada, para os profissionais de nível médio ou superior.

Os interessados podem se inscrever até o dia 14 de outubro de 2017, das 8h às 14h na Secretaria de Infraestrutura, localizada na Avenida Barão do Rio Branco, s/n, Aeroporto Velho.

Mediante Análise de Currículos e Prova de Redação, é que os candidatos serão classificados, no qual validade será de dois anos, conforme o edital em nosso site para consulta.

Professores da rede estadual de ensino entram em greve amanhã (14)

Após realizar Assembleia na tarde de segunda-feira (11), na sede da 5ª Unidade Regional de Ensino (5ªURE), a maioria dos professores presentes decidiram por movimento de greve.

De acordo com o Coordenador do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará (Sintepp/Santarém), professor Marcelo  de Lima Lopes, o movimento grevista irá começar a partir de amanhã (14).

Entre as principais demandas, estão as questões relacionadas a reforma das escolas, PDDE nas escolas e PCCR unificado. Os professores também são contra a implementação da chamada ‘lei da mordaça’.

 

Do Jornal O Impacto

TRÂNSITO DE SANTARÉM: Travessa Profº José Agostinho agora tem sentido único

A Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade e Transito (SMT) realizou nesta terça-feira (12) a inversão de sentido de fluxo da Travessa Professor José Agostinho, no bairro Santíssimo.

A via se torna mão única entre as Avenidas Mendonça Furtado e Elinaldo Barbosa, com sentido de tráfego de veículos centro-bairro. A travessa recebeu as sinalizações vertical e horizontal, o que ajudará na orientação aos condutores de veículos e pedestres na adaptação a mudança. “A exemplo do que foi feito na Avenida Rosa Passos, estamos dando continuidade ao projeto binário na Professor José Agostinho. O objetivo é melhorar o fluxo e garantir a segurança para os pedestres e condutores que trafegam pelas duas vias do bairro Santíssimo”, ressaltou Paulo Jesus, secretário de mobilidade e trânsito.

A Divisão de Educação para Trânsito da SMT está realizando ações, com distribuição de panfletos e orientação aos pedestres e motoristas sobre a mudança. Os agentes de trânsito permanecerão na Travessa Professor José Agostinho orientando os condutores com relação a mudança no sentido de fluxo da via.

Vereador de Santarém exige que o “código de obras” seja respeitado pela SEMINFRA

O vereador Dayan Serique (PPS), durante seu pronunciamento no uso do tempo regimental na sessão desta terça-feira, 12/09, exigiu que as obras feitas pela Secretaria Municipal de Infraestrutura (SEMINFRA) respeitem o código de obras do município e não coloque a vida do cidadão e dos trabalhadores em risco.

Vereador Dayan Serique

No seu discurso, falou sobre as obras que foram feitas em duas rotatórias da Rodovia Fernando Guilhon, as quais parecem ter sido feitas por qualquer pessoa, menos por um gestor público. Primeiramente, o parlamentar disse que existe um código de obras que institui sobre a sua sinalização, porém, não têm sinalização naquelas e, sim, entulhos, etc.

Então, o popular socialista desabafou “isso é um desrespeito com as pessoas e com a legislação. Vai um cidadão comum fazer uma obra e deixar entulhos como a SEMINFRA faz? Todos os órgãos da Secretaria já teriam ido lá. Mas como é uma obra pública o secretário tem que dá exemplo. Mas não! O secretário de Infraestrutura simplesmente ignora o fato, não faz o que a legislação cobra e ele tem que fazer, pois é obrigação dele. Para nós cobrarmos alguma coisa do cidadão, o agente público tem que dá o exemplo, a partir daí este será seguido.  Espero que o quanto antes que este problema seja resolvido, se coloque os entulhos em contêiner como deve ser feito, não deixe as pessoas correndo risco e respeitem nosso código de obras. Pois acidentes menores já aconteceram e se mais um acidente acontecer por causa dessa obra a responsabilidade é de quem está gerenciando-a, ou seja, SEMINFRA” finalizou o vereador Dayan Serique.

 

(ASCOM/ Gabinete do Ver. Dayan Serique-PPS). 

ALTER DO CHÃO: Confira a programação do Çairé 2017

A Prefeitura de Santarém lançou nesta segunda-feira (11), na Sala Cultural do Theatro Victória, a programação oficial do Çairé 2017.

Com o tema “Festa e Fé”, a proposta do governo municipal é valorizar e mostrar a verdadeira história do Çairé, que está diretamente ligada à devoção à Santíssima Trindade.

O Çairé é uma manifestação religiosa da cultura indígena na Amazônia que, segundo os historiadores, acontece há pelo menos 300 anos.

ÇAIRÉ 2017 – PROGRAMAÇÃO

16/09 (Sábado)
05h00 – Alvorada (Vila de Alter do Chão)
08h00 – Procissão Fluvial | Busca dos Mastros (Lago Verde)
22h00 – Festa dos Mastros – Banda Tapajoara (Centro Comunitário da Vila de Alter do Chão)

21/09 (Quinta/Sexta)
05h00 – Alvorada (Vila de Alter do Chão)
07h00 – Benção do Çairé (Praça do Çairé)
08h00 – Traslado dos Mastros da Praia do Cajueiro à Praça do Çairé (Vila de Alter do Chão)
09h00 – Abertura Oficial * (Praça do Çairé)
11h00 – Visita às Barracas (Praça do Çairé)
11h30 – Apresentação do Grupo Espanta-Cão (Praça do Çairé)
12h30 – Almoço dos Mordomos e Convidados (Praça do Çairé)
18h00 – Rito Religioso (Praça do Çairé)
19h30 – Show Local – Nélson Vinencci e Walluc (Palco Externo da Praça do Çairé)
19h30 – Abertura dos Portões (Lago dos Botos)
20h30 – Danças Tradicionais e Dança Convidada (Lago dos Botos)
23h30 – Show Guitarrada com Mestre Solano (Lago dos Botos)
01h30 – Banda Quinta Dimensão (Lago dos Botos)
(*) Hasteamento dos Pavilhões | Fala das Autoridades | Corte da Fita do Barracão | Café Regional

22/Setembro (Sexta/Sábado)
12h00 – Carimbó Cumaru (Praça Sete de Setembro)
14h00 – Carimbó Regional Uiara (Praça Sete de Setembro)
16h00 – Carimbó Regional Tucuxi (Praça Sete de Setembro)
18h00 – Rito Religioso (Praça do Çairé)
19h30 – Show Local – César Brasil e Cristina Caetano (Palco Externo da Praça do Çairé)
19h30 – Abertura dos Portões (Lago dos Botos)
21h00 – Show Lucinha Bastos (Lago dos Botos)
23h00 – Show Pinduca (Lago dos Botos)
02h00 – Banda Ricardão (Lago dos Botos)

23/Setembro (Sábado/Domingo)
12h00 – Carimbó Kuatá (Praça Sete de Setembro)
14h00 – Carimbó Carimbatuque (Praça Sete de Setembro)
16h00 – Carimbó Chico Malta & Cobra Grande (Praça Sete de Setembro)
18h00 – Rito Religioso (Praça do Çairé)
19h30 – Show Local – Priscila Castro e Nato Aguiar (Palco Externo da Praça do Çairé)
19h30 – Abertura dos Portões (Lago dos Botos)
20h30 – DJ Murilo Gonçalves (Lago dos Botos)
21h00 – Esquenta do Boto Cor de Rosa (Lago dos Botos)
21h30 – Apresentação do Boto Cor de Rosa (Lago dos Botos)
23h00 – Esquenta do Boto Tucuxi (Lago dos Botos)
00h00 – Apresentação do Boto Tucuxi (Lago dos Botos)
02h00 – Show Dona Onete (Lago dos Botos)

24/Setembro (Domingo)
12h00 – Carimbó Tatu Kanastra (Praça Sete de Setembro)
14h00 – Carimbó Regional Tucuxi (Praça Sete de Setembro)
16h00 – Carimbó Regional Uiara (Praça Sete de Setembro)
18h00 – Rito Religioso (Praça do Çairé)
19h30 – Show Local – Kaila Moura e Eduardo Dias (Palco Externo da Praça do Çairé)
19h30 – Abertura dos Portões (Lago dos Botos)
20h30 – Show Três Amazônias – David Assayag, Patrícia Bastos e Silvan Galvão (Praça Sete de Setembro)
22h00 – Banda Cintura Fina (Lago dos Botos)
23h30 – Banda Explosão (Lago dos Botos)

25/Setembro (Segunda)
08h00 – Derrubada dos Mastros | Danças | Cecuiara (Praça do Çairé)
16h00 – Abertura dos Portões (Lago dos Botos)
17h00 – Apuração de Votos dos Botos (Lago dos Botos)
19h00 – Show Orquestra Filarmônica de Santarém (Praça do Çairé)
20h30 – Show Chorimbó da Dona Glória (Palco Externo da Praça do Çairé)
22h00 – Festa dos Barraqueiros – Banda Pegada do Forró e Banda Ki Babado (Lago dos Botos)

30/Setembro (Sábado)
22h00 – Festa da Vitória – Banda Quinta Dimensão (Barracão do Boto Vencedor)

Santarém recebe 4ª edição do Tapajazz Festival

Nos dias 15, 16 e 17 de setembro, a vila balneária de Alter do Chão, em Santarém, recebe mais uma edição do Tapajazz -Festival  de Música Instrumental. Já em sua quarta edição, o Tapajazz vem se tornando uma referência no segmento de eventos de música instrumental.  Evento inserido no calendário cultural do Estado do Pará, o Tapajazz tem como proposta o intercambio musical entre os artistas do cenário regional com músicos de projeção nacional de outras regiões do país.

É um canal de diálogo musical entre a tradição regional e o contemporâneo. Um espaço para divulgação e difusão da musica instrumental e a produção folclórica/tradicional, hoje tão carente de espaços adequados para expressarem a sua arte.

O Tapajazz agrega na sua programação grupos regionais como Kuatá do Carimbo e Clube do Choro de Alter do Chão, com os consagrados Mundo Mambo, Sebastião Tapajós e Yamandú Costa.

PROGRAMAÇÃO
15 setembro 20h.  Clube do Choro de Alter do Chão, Yamandú Costa e Mundo Mambo.
16 setembro 20h.  Tymbra Trio, Adelbert Carneiro e Kuatá de Carimbó
17 setembro 18h.  Regional Mocorongo e Sebastião Tapajós

CONTATOS
Guilherme Taré – 93 99136-1306  /  93 98100-3233
guilhermetare@gmail.com
https://www.facebook.com/Tapajazz/

Vai começar a 16ª Expoagro, com a participação do maior locutor de rodeiro do Brasil

A 16ª Expoagro de Alenquer, no oeste do Pará, que ocorrerá no período de 13 a 17 de setembro no Parque de Exposições de Alenquer, terá a participação especial do locutor de rodeio Marco Brasil. A realização é do Sindicato do Produtor Rural de Alenquer (Sinpra) com a parceria da Prefeitura Municipal de Alenquer (PMA).

Marcos Brasil é um dos maiores locutores de rodeio no país, criador de frases e versos impactantes que divertem, ou levam a nostalgia ao recitar poemas que ressaltam a vida do homem do campo. Ele possui 21 anos de carreira levando a emoção à flor da pele de quem ouvi sua voz inconfundível nas arenas de todo o Brasil.

Prova de Laço com 5 mil reais em prêmios. 

A programação da 16ª Expoagro contará com rodeios, prova dos três tambores, prova do laço, parque de diversão, leilões, bingo, palestra, cavalgada e exposição de animais e máquinas. Confira a programação completa:

PROGRAMAÇÃO.

13/09/2017 (Quarta-feira)
Entrada franca
08:00 – Cavalgada de Abertura
19:00 – Abertura Oficial da 16º Expoagro
20:00 – Escolha da Rainha da 16º Expoagro
21:00 – Fut Boi Globo da Morte Mesa da “Margura”
23:00 – Show com Francélia e Banda

14/09/2017 (Quinta-feira)
Entrada: Cartela do bingo ou R$ 20,00 (Parque e Rodeio)
18:00 – Prova dos Três Tambores
20:00 – Rodeio em Burro Bravo
22:00 – Bingo de 05 Vitelas
23:00 – Show com Giovandro Costa

15/09/2017 (Sexta-feira)
Entrada: Cartela do bingo ou R$ 20,00 (Parque e Rodeio)
08:00 – Palestra sobre piscicultura. Responsável: Eng. de Pesca Hilberneu Neto
09:00 – Início do Torneio Leiteiro
18:00 – Bolão de Laço Amador e Profissional
20:00 – Início do Rodeio Profissional com abertura de Marco Brasil
23:00 – Show Gospel de Léo Reis & Adriano
24:00 – Show Sertanejo de Fabrício do Acordeon

16/09/2017 (Sábado)
Entrada: Cartela do bingo ou R$ 20,00 (Parque e Rodeio)
08:00 – Palestra sobre Direito Previdenciário do Produtor Rural. Responsável: Dra. Patrícia Valente e Dr. Caio Machado
09:00 – Continuação do Torneiro Leiteiro
14:00 – Leilão de gado P.O.
18:00 – Classificação do Laço Profissional
19:00 – Bolão da Vaquejada Amadora
20:00 – Continuação de Rodeio Profissional
22:00 – Bingo de 04 novilhas e 01 touro
23:00 – Show com a Banda Trio para Amar

17/09/2017 (Domingo)
Entrada: Cartela do bingo ou R$ 20,00 (Parque e Rodeio)
09:00 – Final do Torneio Leiteiro
18:00 – Disputa do Laço Profissional
20:00 – Final do Rodeio Profissional
22:00 – Bingo de 05 Vitelas
23:00 – Show com Júnior & Jackson

 

Fonte: Ascom PMA

 

Procurador-geral da República apresenta denuncia no STF contra 7 políticos do PMDB

Rodrigo Janot

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou ao Supremo Tribunal Federal (STF) nesta sexta-feira (8) denúncia contra políticos do PMDB do Senado.

Foram denunciados os senadores Edison Lobão (MA), Jader Barbalho (PA), Renan Calheiros (AL), Romero Jucá (RR) e Valdir Raupp (RO), além dos ex-senadores José Sarney e Sérgio Machado. Machado foi senador pelo PSDB e ex-presidente da Transpetro.

A acusação aponta crime de organização criminosa, cuja pena varia entre 3 a 8 anos de prisão, além de multa. Para a PGR, há indícios de que o grupo mantinha controle sobre a Diretoria Internacional da Petrobras para angariar propinas de fornecedores da estatal.

As vantagens indevidas seriam cobradas por diretores indicados pelo partido, que se mantinham no cargo graças ao apoio dos políticos.

Na semana passada, uma denúncia semelhante foi apresentada contra políticos do PT, incluindo os ex-presidente Dilma Rousseff e Luiz Inácio Lula da Silva, este apontado como líder da organização criminosa.

Os políticos do PP já foram denunciados pelo mesmo crime e a PGR ainda prepara denúncia contra membros do PMDB da Câmara, entre os quais o presidente Michel Temer.

Com a denúncia em mãos, o ministro Luiz Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo, deverá notificar os acusados a apresentarem uma defesa prévia.

Depois, levará o caso para análise da Segunda Turma do STF, que decidirá se eles viram ou não réus pelo crime. Compõem o colegiado, além de Fachin, os ministros Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Celso de Mello.

Por Renan Ramalho, G1, Brasília